coverIN noticias

O coordenador técnico do futebol do CF Carvalheiro, Artur Brandão, traça um balanço positivo à presente época desportiva e realça que estão lançadas as bases para que o Carvalheiro seja, num curto espaço de tempo, uma referência no futebol jovem da Região.
 
Próximo de completar 82 anos de existência, a aposta do CF Carvalheiro no futebol jovem é bem mais recente. De resto, tem sido com a Direção presidida por Pedro Araújo que o futebol jovem do Carvalheiro tem ganho expressão no panorama desportivo regional. Um crescimento quantitativo e qualitativo visível e que faz com que o clube esteja representado, em termos federados, em todos os principais escalões etários do futebol jovem madeirense.
 
Em declarações ao site do CFC, Artur Brandão, coordenador técnico do futebol jovem do Carvalheiro, começou por traçar um balanço positivo à presente época desportiva, 2018 - 2019. "O balanço desta época é bastante positivo. Embora os resultados puramente desportivos não tenha sido significativos, lançamos bases para que, no futuro próximo, os resultados sejam também uma prioridade. De qualquer forma, destaco claramente um aumento do número de atletas a representar o clube, em comparação com a época anterior, e isso, já é um grande sinal que o nosso trabalho está a ter aceitação junto dos jovens. A seu tempo, também iremos dar alguma prioridade aos resultados desportivos."
 
A renovação, com instalação de relva sintética e melhoria das infraestruturas de apoio, do  Campo de Futebol de 5 do Carvalheiro, segundo Brandão já está a render melhorias no projeto formativo do clube. "As nossas escolas de iniciação só agora estão a funcionar em pleno com dois escalões etários (sub-6 e sub-9). A prioridade passa claramente também por um aumento do número de atletas nesses escalões etários. Nesse sentido, o nosso campo de futebol de 5 constitui-se como uma mais valia e tem ajudado a que o nosso trabalho vá tendo alguma visibilidade."
 
A finalizar, o responsável técnico destacou algumas particularidades do projeto formativo do Carvalheiro, mostrando-se muito otimista em relação ao futuro imediato. "O nosso clube destaca-se em relação aos outros em alguns aspectos. Por exemplo, não selecionamos miúdos apenas para ganhar competições. Aqui todos contam! Todos jogam os seus minutinhos independentemente do resultado final. Temos alguns aspectos a melhorar, os problemas estão identificados e como tal, vamos continuar o nosso trabalho, rumo a uma formação de referência. Não tenho dúvidas que, num curto espaço de tempo, o nosso clube será uma referência em termos de formação na Região."

NEWSLETTER



Receber em HTML?

Scroll to top